Querer RPG não é poder fazer um evento, ou não.

11:50



Gostaria de deixar bem claro que este post irá tratar especificamente sobre as condições para viabilizar um evento de RPG em minha cidade, Nova Lima, Minas Gerais. É uma região metropolitana da capital com cerca de 81 mil habitantes (dados do CENSO/2010). Claro que é pouco em vista de muitas cidades, mas devido aos seus destaques turísticos e na rede de imóveis, esta cidade poderá ser explorada para receber eventos. Vamos analisar algumas situações.

1) Localização/Transporte.

É um dos fatores mais agravantes. Nova Lima fica a aproximadamente á 25KM de distância do centro da capital Belo Horizonte. Contando o fato que muitas pessoas vão utilizar o transporte aéreo. O Aeroporto de Confins até o centro de Belo Horizonte fica aproximadamente a 40KM de distância, no total de 65KM! (Chão bagaraio).

Tudo isto gera um custo e para quem for de carro cruzando o estado é meramente inviável. Porque a cidade é puro morro, o consumo de combustível será elevado exponencialmente. Necessitaria de muitas sinalizações por possuir desvios e nem sei se o GPS será confiável.

Em números uma passagem de ida e volta pela GOL saindo de Sampa e vindo pra BH custaria em torno de 250 reais, comprando antecipado e em cima da hora por volta de 550 reais. Ao chegar no aeroporto você precisa pegar um ônibus (Conexão Aeroporto) por quase 20 reais. Jogando para mais, na ida e volta gastaria mais 40. O que deixa em torno de 290 a 590 de passagem.

Depois disto teriam que pegar um ônibus ou uma “caravana” fretada para o evento que jogaria pelo menos 20-25 reais. Conclui-se que o investimento chegará por volta de 310 a 610 reais. 

2) Onde ficará para descansar? Em um local bom?

Realmente é o fator grave. Uma pousada ótima e perto apenas tem 1. E é perto da minha casa, fica a 5 minutos. Mas o certo seria alugar uma cota de 10 a 15 lugares para uma hospedagem especial. Uma proposta de parceria com a prefeitura da cidade para incentivar a vinda das celebridades e comerciantes. Existem outros lugares, mas em bairros afastados com cerca de 10 KM de distância que é um absurdo! 

Para deixar outro ponto claro é o dinheiro a ser investido. Uma estadia na pousada são números nebulosos. É aquela coisa, dependendo do horário e da cara do cliente eu faço um preço. Parece que é deste jeito e as instalações nem são tão boas, mas dá para dormir. Acho que nem tem internet Wi-Fi. O QUE JÁ MATA A PAU.

3) Onde será o raio do evento?

A princípio seria um espaço próximo aos comércios locais abertos e obviamente a pousada. Além do constrangimento do “Triátlon” ainda teria que andar mais, e olhe que Nova Lima só tem morro acima ou morro abaixo. Então a idéia seria em uma escola, o ideal era o Liceu Imaculada. Um ponto ótimo e tranqüilo que não teria morro é coisa de 2 minutos da pousada. Na rua de cima da pousada tem uma padaria e na debaixo também. Rs... A questão era que os visitantes receberiam lanches especiais em parceria com as padarias para ter algo a mais no evento.

4) Público? Será que dá 50 pessoas?

Quem conhece sobre RPG em Nova Lima, eu conto nos dedos que são uns 20. Mas quem realmente joga RPG? A grande parcela possuem idade dos 21 aos 28 anos. Pegou a época do tio Trevis na Dragão Brasil. 3D&T estava em plena ascensão e o D&D travava uma batalha época contra o Vampiro nas metas de vendas da Devir.

O correto é fazer uma pesquisa de mercado. Vestir a roupa da RPG Online ficar movimentando no centro e abordar cada pessoa e perguntando sobre o RPG. Seria interessante ter até um Stand ou Flyer divulgando por cerca de 1 semana. Mas como fazer isto? Trabalho de 14:00 até as 21:00 em outra cidade. O horário de fluxo na cidade é de 10:00 até 18:00. E não poderia aproveitar o tempo estimado. Não posso tirar férias por agora, mas se pudesse já estava fazendo a pesquisa de mercado e gerando estatísticas sobre a viabilidade do projeto.

5) Gerando lucros!

Parcerias com empresas de alimentos e distribuidoras de bebidas para arrecadar renda e encher a pança da galera. A venda também de livros usados, novos, mangas e quadrinhos seria uma boa pedida. Jogos demonstrativos incentivando a participação de muitos será bastante efetivo.

No começo posso até levar um prejuízo e tanto, mas como meta ter uma pequena renda para não começar do zero um segundo evento. Pode ser até 50 reais para iniciar, mas já vi que esse 50 pode transformar em 500, 5000, 50.000...

Foco no público!

6) Entretenimentos adicionais.

O que pode atrair mais pessoas para este evento é um setor adicional como o de games e anime. Mas sabe aquela coisa, eu fiz um evento para o pessoal curtir uma palestra de RPG e jogar um bom RPG, no máximo algumas variantes como o boardgame e o cardgame. Mas misturar cosplayers e gamers hardcore não dá muito certo. 

Apresentações teatrais (live-actions) e exibições de cenas, filmes ou séries épicas é uma boa pedida. São poucas pessoas que conhecem Game of Thrones, ou não se lembram de Caverna do Dragão. Então tudo isto é para proporcionar a cultura. Obviamente estas brechas darão oportunidades de surgirem as publicidades dos jogos brasileiros como o Tormenta RPG, Old Dragon, Mighty Blade, ViolentinA, Busca Final, dentre outros.

Encontro de blogs seria interessante, mas quem iria mobilizar por tal causa? E por qual motivo? Rs...

7) Propaganda é a alma do negócio!

E se não é! Todos que comprarem o ingresso do evento automaticamente ganhariam uma camisa e seria algo de proporções míticas para ter orgulho em vesti-la. Sei que muitos nerdões e rpgistas adoram camisas temáticas deste contexto então porque não proporcioná-los a isto? Além das camisetas terá uma equipe especializada para tirar fotos do evento. Qualquer mísero inseto que estiver na sopa, tire a foto! Filmar, tirar foto com celular. Tudo vale para registrar a informação. 

Para distribuir a informação seria uma contaminação em massa. Todos os blogs e sites de RPG, eu digo TODOS os blogs/sites serão convidados a postarem as fotos e vídeos do evento. As principais redes sociais como o Twitter, facebook, Orkut, Google Plus e outros mediadores de compartilhamento, Youtube, picasa, instagram, flickr, qualquer coisa que for possível registrar faremos isto.

Todas as fotos distribuídas terão a logomarca como marca d’agua para proteger dos direitos do evento. Elas também estarão com identificadores necessários para melhorar o ranking de pesquisa na Google. E caso você aí que é blogueiro ou webmaster que não souber passamos a dica!

Enfim, vontade é que não falta. Mas gostaria de saber de vocês: VAI OU RACHA? Se for inviável Belo Horizonte está aí para nós!

Abraços!



Você poderá gostar também de:

0 comentários